FANDOM


Capítulo 86
Artigo sem imagem
Carregar um novo arquivo?
Anterior Capítulo 86
Próximo N/A
Template: (ver) - (editar) - (discutir)

Esse Mordomo, na Estrada é o octogésimo sexto capítulo do mangá de Kuroshitsuji.

CapaEditar

Com temática do Dia das Bruxas, pode-se ver (da esquerda para direita) em formato chibi, Finnian fantasiado de lobisomem, Sebastian de esqueleto, Ciel de vampiro, Bardroy de Frankenstein, Tanaka de bruxa, Snake de Medusa e Mey-Rin de múmia. Ao fundo, uma grade de cemitério e velas gigantemente deformadas com chamas com rostos feliz (esquerda) e triste (direita). No centro, uma abóbora gigante com rosto, símbolo do Dia das Bruxas.

PersonagensEditar

Por ordem de aparição:

Obs.: Em negrito, primeira aparição. Em itálico, aparição não física.

EnredoEditar

Dois nobres se entretêm caçando, quando uma matilha entra numa floresta. Briegel cita sobre esta floresta ser amaldiçoada, no que Reinald afirma que isto é apenas superstição, e ambos adentram lá. Uma velha e estranha senhora aparece repentinamente e os alerta sobre lobisomens que protegem aquele lugar e amaldiçoam as pessoas, e os dois saem galopando.

Quando estavam para regressar para casa, uma criatura semelhante a um enorme cachorro bípede aparece e amedronta os dois. Eles voltam aceleradamente, e estando ainda em pânico se assustam com um senhor que vem recebê-los de volta. Reinald então começa a sangrar pelo nariz e cai, Briegel vai socorrê-lo e vê o rosto dele todo deformado com bolhas volumosas. O rosto de Briegel também começa a inchar de maneira semelhante e ele cai logo em seguida.

Num trem em direção à Alemanha, Ciel treina a sua pronúncia de seu alemão, sendo repreendido por Sebastian como indisciplinado. Uma semana antes, Ciel havia recebido uma carta da rainha sobre mortes peculiares na Alemanha, nas quais pessoas perfeitamente saudáveis subitamente se tornavam grotescamente deformadas e morriam logo em seguida. A rainha também mencionou na carta que não houve resposta pelo lado alemão, Sebastian concluindo sobre isto que assim não era possível enviar funcionários.

Para obter informações, Ciel ordena Sebastian trazer Claus até a sua mansão. Ciel desculpa-se pelo chamado repentino, no que Claus diz que não tem problemas e comenta o quão elusivo o mordomo dele é, aparecendo enquanto ele estava desfrutando de uma sauna na Finlândia. Claus conta sobre a sua viagem ao local onde as peculiares mortes tiveram lugar e que as pessoas de lá sempre respondiam a isto como "foi o feitiço" da bruxa. Ele continua explicando que as vítimas não tinham nada em comum, exceto por terem entrado numa mesma floresta antes de morrer, a "Floresta dos Lobisomens". Ciel acha isto ridículo e Claus ri se desculpando que foi toda a informação que conseguiu. Ciel se responsabiliza e diz que irá investigar por si mesmo.

Ciel então pergunta sobre Undertaker, já que Claus o conhece a mais tempo. Mas Claus diz que eles não costumavam se interferirem um com o outro, e que Vincent o conheceu primeiro, sendo o único que Vincent conheceu antes de Undertaker foi Diederich. Ciel e Sebastian fazem os planejamentos para a viagem à Alemanha, e Ciel comenta que espera que ele (Diederich) não esteja de mau-humor.

Em uma sala atrás de uma mesa com pilhas de papel, Diederich reclama sobre Ciel e Vincent, observando que o filho do último deve estar mais parecido com o pai do que nunca. Em cima de uma lareira, um retrato dos quatro prefeitos do ano em que ele e Vincent cursaram.

NavegaçãoEditar

CAPÍTULOS DO MANGÁ ( ver - editar - discutir )

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.